17.2.14

Para os senhores que mandam nos canais de televisão (que, obviamente, me lêem) e fazem com que as séries sejam renovadas ou canceladas

É muito bom quando uma série tem sucesso: é bom para o canal, que ganha imenso com isso; é bom para os actores, que continuam a ter o seu trabalho assegurado e reconhecido e é bom para o público, que acaba por ter uma espécie de segurança, isto é, sabem que a sua série não está em risco de ser cancelada de um momento para o outro, sem um final decente.
Isto é tudo muito bonito, o problema é quando se aproveitam do sucesso de uma série, para a estender até cansar. Custa-me dizer isto, mas eu estou cansado de algumas das séries que antes adorava e custa-me exactamente por isso! E depois, também me custa, porque a série foi perdendo qualidade e já não tem aquele "cheiro" a novidade, já não tem aquele tom diferente, porque, entretanto, já se fizeram mais uma dezena de séries do mesmo tipo e algumas até são melhores.

Isto vem a propósito dos quatro episódios de Bones que eu tenho em atraso da 9ª temporada, bem como da notícia da renovação da série para a 10ª temporada. Eu gosto muito da série, fui apanhando uns episódios das outras temporadas, mas só a partir da 4ª é que comecei a acompanhar todos os episódios, sem perder nenhum. Eu vibrava com aquilo, mas a minha reacção ao saber da renovação foi numa zona completamente oposta, acho que fiquei chateado, ou, pelo menos, aborrecido: ohh, fantástico, como se não bastassem os 14 episódios que faltam para o fim desta temporada, ainda vou ter que gramar com mais 24 de outra temporada e será que fica por aí?!
Mas não é só Bones que me provoca este sentimento, com Glee acontece exactamente a mesma coisa! Glee, aquele série dos meninos marginalizados, dos outcast, que se juntaram num grupo coral, que depois também integrou membros populares da escola. Essa série fantástica que, na sua 1ª temporada, revitalizou alguns clássicos musicais de uma forma muito apelativa e que a cada episódio era uma montanha russa de emoções, dentro da montanha russa de emoções que era a temporada em sim, culminando numa fantástica performance da Bohemian Rhapsody. Essa série, sim, estão a ver?
Se pareço nostálgico e sentimental, é porque eu realmente gostava da série e fiquei triste ao constatar que, com o passar das temporadas, a qualidade se foi perdendo, as músicas são os números uns das tabelas actuais e não músicas mais antigas, ainda assim, populares, que ganhavam nova energia com a série. Glee está a meio da sua 5ª temporada, terá ainda uma 6ª e, muito provavelmente, uma 7ª e última temporada. Eu acho que já é demasiado.
Não queria ter de deixar séries a meio, porque é uma das coisas mais horríveis de se fazer. Preciso de algo a que os americanos chamam de closure.
O problema de se esticar demasiado uma série é, em primeiro lugar, a perda de qualidade e, depois, um final muito decepcionante, para quem acompanha desde o princípio.
Um dos exemplos mais recentes é Dexter. Eu fiquei fanático pela série, vi as 5 primeiras temporadas num ápice e depois esperava ansiosamente pela estreia da próxima, que era sempre por volta do meu aniversário (30 de Setembro). Dei-me conta de que a 7ª temporada tinha imensas potencialidades, mas foram todas deitadas fora, por vezes, de maneira muito estúpida. E depois tivemos a última temporada... E o final. Dexter, a minha série favorita, com temporadas brilhantes, negras, viciantes, tinha um final tão estúpido e tão abaixo do nível de qualidade da série, que eu fiquei muito decepcionado e ainda hoje estou a recuperar. É certo que estava ao nível da qualidade das 7ª e da 8ª temporada, mas esse nível era muito baixo, para uma série que teve 4 temporadas deslumbrantes!
Os responsáveis por esse canal já vieram dizer que estão a pensar num spin-off da série com o protagonista de Dexter. Peço-lhes muito encarecidamente que não o façam! Sinceramente, depois de um final daqueles, prefiro deixar as coisas como estão a ver algo ainda pior!
Outro problema de as séries ficarem anos infinitos no ar, é que roubam espaço a outras séries boas, mas que não conseguem vingar e roubam tempo a quem vê. Eu vejo séries porque gosto, mas há aquelas que já só vejo apenas porque, de certa forma, criei laços com as personagens e não consigo deixá-las ir, sem aquele closure, que me seria dado pelo final da série. Deste modo, fico sem tempo para ver novas séries, muito boas, que por aí andam!
No outro dia, contei e acompanho 20 séries:
1- Bones
2- Da vinci's Demons 
3-Doctor Who 
4- Downton Abbey 
5- Game of Thrones 
6-Glee 
7- Hannibal 
8-Homeland 
9-How I Met Your Mother 
10- Looking 
11-Modern Family 
12-Orphan Black 
13-Revenge 
14-Scandal 
15-Shameless
16-Sherlock 
17-The Americans 
18-Big Bang Theory 
19-The Walking Dead 
20-Vicious

Depois, tenho séries em lista de espera, séries que eu quero muito ver, mas que, não tendo tempo, ficam em espera, até um dia.
1-Breaking Bad
2-Criminal Minds
3-Eureka
4-House of Cards
5-Lost
6-Mad Men
7-Six Feet Under
8-The Sopranos
9-The Tudors
10-White Collar

Portanto, depois deste paleio todo, quero só pedir aos senhores para pensarem na qualidade da série, em vez de pensarem na quantidade dos lucros, para pensarem que podem estar a aborrecer as pessoas. Sim, eu sei que continuarão a ter quem veja a série, mas uma grande parte delas será como eu e está apenas à espera de um final. Não atrasem indefinidamente esse final. 



P.S: Não falei sobre How I Met Your Mother, porque ainda tenho vontade de ver a série e porque é a última temporada!

6 comentários:

Kyle Phillipe disse...

não gosto de Glee :P
só acompanho Looking, ainda vai no 5ºep.

Namorado P.S. disse...

Eu vejo muitas dessas séries que publicaste... mas confesso que não confesso que não consigo acompanhar tudo e por vezes deixo a meio... a única que vi todos os episódios foi mesmo a Guerra dos Tronos...

AdamWilde disse...

Eu adoro séries. Mais do que filmes, atrevo-me até a dizer!! E estou sempre a ver de séries novas para ver, mas depois, chega a um ponto, em que não posso ver mais! =/

Namorado P.S. disse...

E é só um confesso LOL Enganei-me lololol

um coelho disse...

Actualmente acompanho muito poucas séries. Vejo no ginásio (lol) HIMYM, e Family Guy. No passado via Six Feet Under (a melhor série de sempre), Heroes (só pensava nesta enquanto lia o teu texto, o Heroes nem teve direito a final, foi cancelada), e o Lost, que ainda patinou ali um bocadinho a meio mas depois teve as últimas temporadas espetaculares e um final muito bom.
Ah, e claro, vi todas as temporadas do Queer as Folk quando percebi que se calhar era gay, e que foi uma verdadeira escola para mim.

AdamWilde disse...

@um coelho, six feet under é uma das que está em lista de espera, bem como lost! Heroes, comecei a ver e gostei muito, mas quando ouvi dizer que estava a descambar decidi que não ia ver do principio ao fim.