3.7.12

Resistir ou não resistir?


A idade, as hormonas aos saltos, o calor… Tudo isso faz aumentar o desejo de estar com alguém; de cair nos braços de alguém, de alguém que eu ame e que me ame de volta.
O problema é que o meu príncipe loiro, de armadura cintilante, com um sorriso incrível, montado num cavalo branco (demasiado específico?) tarda em aparecer. No entanto, as hormonas continuam aos saltos e o desejo de estar com alguém continua a crescer…
E fico num dilema: resistir aos instintos animais ou, pelo contrário, abandonar o lado racional, entregar-me à animalidade, ao selvagem, ao instintivo?

1 comentário:

Lobo Solitário disse...

Até tenho medo desse lado selvagem.
Enquanto tiveres nesse estado nem penses pores os pés em Lisboa, ainda sou molestado...