26.9.11

Eu não sei o que é que heide (sim, está bem escrito!) fazer para a apresentação oral de português e por isso davam jeito alguns conselhos, mas vá ide lá ler o post e comentem depois

Tenho que fazer uma apresentação oral a português. Normalmente é um livro que lemos e apresentamos mas já temos de ler "Os Maias" e mais não sei o quê e vai daí a senhora disse que não era preciso lermos um livro, mas sim tratar de um assunto ao nosso gosto.
Uma vez que eu não quero ficar rotulado como aquele que só fala sobre coisas LGBT (o que, vamos lá ver, sempre a falar do mesmo ou sobre o mesmo tema, também cansa e eu sei disso!), queria pedir sugestões aos meus caros leitores =D

7 comentários:

Lobo Solitário disse...

Experimenta ler alguma obra do Richard Zimmler, eu gostei :D

AdamWilde disse...

E qual aconselhas, para começar? =)

João disse...

Desculpa a (orgulhosa) ignorância quanto a assuntos do Aborto Horto Gráfico, mas é assim que é suposto passar a escrever-se a palavra "hei-de"?

Não me canso de admirar a estupidez e o analfabetismo de quem montou este atentado à Língua. Os dólares falaram mais alto do que a consciência.

Pulhas!

sad eyes disse...

Touradas, ou o fim delas. O tema está na ordem do dia em Espanha e dá muito que falar (e discutir).

AdamWilde disse...

@João é exactamente assim que se escreve "heide"... A minha professora de português diz que isto (e muitas outras coisas neste Acordo) não fazem sentido porque trata-se do verbo haver conjugado com mais uma palavrinha que agora não me lembro, não se trata da forma verbal em sim, porque essa é hei, has, há e por aí fora... (Não sei se me fiz entender.)

@sad eyes Ainda não tinha pensado nisso! Tenho que fazer uma pesquisa e ver o que encontro sobre isso, obrigado =)

Mark disse...

Olá,

Desculpa a "invasão", mas só vim fazer uma pequeníssima reparação: a palavra "hei-de" não se passará a escrever "heide", mas sim "HEI DE". Um espaço entre "hei" e "de". O hífen é que desaparece, assim como em "hás de", "há de", etc. É assim que está previsto e estipulado no Acordo Ortográfico.
Ou a tua professora explicou mal ou estiveste desatento na aula. :)

Fica bem. ^^

AdamWilde disse...

@Mark qual invasão? Ora essa ;) Mas eu tinha mesmo essa ideia porque lembro-me dela a dizer que não fazia sentido porque era uma forma verbal e não devia ser junta a outra palavra e coise...
Mas quando a vir já lhe pergunto, obrigado pela correcção ;)

(E para que fique bem claro eu estou sempre atento nas aulas... Excepto quando não estou =D)