15.8.11

Convívio de família

Mais uma festa na aldeia do meu avô, que acabou... E ainda bem!!
A família junta-se toda na casa do meu avô e, como é costume quando se juntam assim todos, há discussões, este ano conseguiram a proeza de:

  • discutir quando ainda nem sequer estavam juntos, utilizando o telefone por exemplo...
  • complicar imenso a organização de um jantar para 10 pessoas...
  • ter ataques de nervos mesmo antes de estaram na "terra"...
  • por pessoas a chorar porque mandam bocas para o ar e não pensam primeiro...
  • fazer com que membros da família jurassem nunca mais lá ir comer o que quer que fosse a casa do meu avô...
  • fazer tempestades num copo de água por causa de limpar a casa ao meu avô...
E isto foi a versão resumida porque havia material para uma saga de 3 volumes com 800 páginas cada, só desde quinta-feira até hoje! Com organização e conversa evitava-se isto, mas estes adultos são uma espécie um bocadinho estranha...
Enquanto isto acontecia no mundo dos adultos, no mundo das crianças (que contempla gente dos 7-16 anos) era:
  • jogar nintendo ds e psp...
  • discutir quem jogava primeiro e quem era a seguir no super mário da nintendo ds...
  • arranjar-mo-nos para a festa...
E pronto, vou ter saudades de ser criança... Mas se há coisa que aprendi este fim de semana, é que a minha paciência com crianças hiperactivas é muito limitada (toda a minha paciência no geral, melhor dizendo) e que muito convívio com a família pode levar á loucura (e temos uma ideia para um filme de comédia!).

Depois de despejar isto cá para fora, eu vou ali e já volto ;)

3 comentários:

Eu disse...

Mas a verdade é que um dia recordarás tudo com muita ternura. Desejando até querer voltar atrás e viver tudo de novo.

adolescente gay disse...

Olá!
Espero que te encontres bem.
Passa pelo meu blogue, deixei-te lá um desafio!
http://adolescentegay92.blogspot.com/2011/08/desafio-livros.html

Beijinhos e porta-te mal!! ;)

sad eyes disse...

por isso é que sou selectivo mesmo com a família.