15.3.10

You and Me

A noite de Sábado foi mágica. Não só porque o filme foi espectacular, mas porque estavas lá! Estavas lá e eras meu, de mais ninguém…
O regresso a casa foi doloroso! Não poder ficar contigo para sempre custa..., custou ainda mais quando me tive que despedir de ti e ir sozinho para dentro das 4 paredes que perfazem “O Meu Mundo”.
Claro que arranjámos logo uma maneira de nos sentirmos mais próximos… O telemóvel foi a nossa salvação para mais de duas horas de conversa. Entre palavras doces a Noite foi avançando profunda.
Muitas coisas foram ditas, senti que ambos despimos a nossa alma e revelámos todos os nossos sentimentos. Pena que estes momentos sejam silenciosos, silenciosos como a Noite!
Adormeci a pensar em ti, acordei a pensar em ti, nunca parei de pensar em ti. E o meu coração que batia anormalmente acelerado… Será que estava ansioso pelo dia de hoje? Talvez.
Entre sonhos de beijos e abraços adormeci… Levantei – me com uma felicidade que irradiava! O dia foi alegre…, sempre alegre.
Queria ter feito algo…, um abraço, nem que fosse um pequenino… Mas não fui capaz! Não consegui e muitas das vezes não existia oportunidade.
Lembra-me lá porque temos de nos esconder?
Não gosto de viver assim!...
Se os outros é que estão mal, porque temos de nos esconder?

1 comentário:

Edu disse...

Amei... OMG Não há razões... Podiamos ter tudo... Obrigado por tudo! TUDO! Não há palavras para descrever! E há falta de palavras restam os gestos...