31.1.10

Homossexualidade em Cartoon

Well, não me apetece escrever (mas tenho mesmo, para por as ideias em ordem...) por isso fiquem com este cartoon muito fixe ;)


28.1.10

Crise de Amizades

E parece que a crise de amizades está a atingir fortemente o meu grupo de amigos... Eu explico: o posto anterior foi devido à possibilidade de ter posto em 'perigo' aquele meu amigo a quem contei que era gay na semana passada, o E.
Ele tem andado mais comigo e com a minha 'maninha' e a melhor amiga dele acha que ele tem um problema qualquer e que não quer falar com ela. Isto tem andado muito complicado!
O E. com a melhor amiga não pode falar com a sua melhor amiga porque ele quando tentou ela disse que não ele não podia ser 'isso' era demasiado fixe para ser isso e disse - lhe na cara que odiava gays...
Agora vai tudo com um clima...

Quanto ao exame intermédio de português, correu super-bem... Estou à espera de mais de 40 (o exame foi em 50 %, não sei porquê...), o que é super bom :D.
Agora é estudar para o de matemática, estudar e estudar muito e com afinco, porque eu não sei algumas coisas e a falta de atenção acaba por me fazer perder pontos necessários!
Toca a estudar...
Tenho a sensação que acabei de por o pé na poça e estraguei tudo!
É horrível...

26.1.10

Em quase todos os livros de fantasia é referido que temos dois nomes: o nome que nos dão e o nome que, por assim dizer, nasce connosco. E quem souber o nosso nome verdadeiro poderá controlar - nos.
Então não é que isso é quase tudo verdade?!?
Se repararmos bem, nós não conhecemos minimamente bem a pessoa que todos os dias está ao nosso lado, não sabemos, portanto, o seu nome verdadeiro.
É estranho pensar que conhecemos uma pessoa e no final de contas não a conhecíamos de todo...

23.1.10

Semana de Revelações

Segunda-feira:


Fui ao mail que havia abandonado faz tempo e onde estavam os colegas e amigos que não sabiam que era gay. Tudo para ouvir um colega meu (o J.) numa emissão duma rádio online e para conversar com o J... Também conversei com o E. (o do post anterior) e falámos sobre o meu vício: o Adam Lambert. 
E foi nessa conversa que eu tive a certeza de que lhe poderia contar sem nada recear! Ele disse que achava estúpido que se deixasse de gostar das pessoas por serem LGBT e etc...
Já tinha posto a hipótese de lhe contar à muito tempo, mas abandonei -a porque não sabia como iria reagir...


Terça-feira:


E assim, na terça estava quase decidido a contar - lhe..., mas não o fiz! 
Foi um dia assim meio coiso xD, porque andava nervoso, assim como iria andar nos próximos dias enquanto não lhe contasse. E foi o que aconteceu.
Já com o hábito, voltei ao mail que os meus colegas tinham e tive a falar com o E. outra vez. E lá voltámos ao mesmo assunto (para grande felicidade minha, pois queria saber mais sobre o que ele pensava xD), estivemos a falar sobre revelar à família e amigos... Até que lhe perguntei o que é que ele faria se alguém viesse ter com ele e lhe contasse que era gay, ele disse que lhe dava um abraço e lhe agradecia a confiança depositava e tentava apoiá - lo... Ia assim dormir pensando em mil maneiras de lhe contar e felicíssimo por saber que ele aceitava (o que já era meio caminho andado para as dúvidas dele em relação a ele próprio!).


Quarta-feira:


Foi um dia angustiante! Tentei contar - lhe, mas as palavras não saíam... Até que ele se apercebeu que eu lhe queria contar alguma coisa, quando deixei uns colegas para ir ter com ele... Como ele disse no twitter dele: Foram 15 minutos de silêncio tortuoso com um dos meus melhores amigos... 
Essa fora a minha oportunidade a sós de lhe contar. As palavras estavam na minha boca a lutar para saírem, mas as minhas cordas vocais recusaram - se a dar alma e vivacidade àquelas palavras que estavam na minha boca... 'Eu sou gay' dizia eu mas as palavras morriam ao tocar o ar! Malditas cordas vocais que se recusam a fazer o que lhes compete.
O meu coração batia tão aceleradamente que parecia que ia saltar..., foi horrível!
Quando se foi embora fiquei de rastos..., uma oportunidade perdida!


Quinta-feira:


Mais um dia de oportunidades... Só que desta vez ele já sabia que lhe queria contar algo, estava super preocupado e todos os momentos a sós com ele faziam disparar o meu coração! Foi tão estranho estar com ele, olhar para ele... 
E passou - se uma manhã inteira nisto, até que à hora de almoço tinha de lhe contar..., era o momento certo!
Ele chegou à escola, foi ter à biblioteca (onde eu estava) e aproveitando uma deixa de que um colega nosso nos estava a chatear saímos os dois. O meu coração começou aos pulos. Andámos em silêncio até a um sítio quase deserto e eu  comecei a tentar contar - lhe..., mas o silêncio sempre reinava! 
Até que ele decidiu dar o empurrão que eu achei que necessitava, mas quando ele disse: 'Então o que tens para me dizer?', eu fiquei paralisado de medo (?). O meu coração queria saltar cá para fora, de tão depressa bater!
Eu disse-lhe que era difícil e ele aconselhou - me a escrever. Assim ia fazer para ambos pararmos de sofrer (apesar de ser importante para mim verbalizar aquilo que ia escrever...), quando ele sugeriu que fossemos para um sítio mais deserto (perto do gimnodesportivo). Quando lá cheguei ele sentou - se no muro eu enchi - me de coragem e disse de uma vez: 'Pode parecer estúpido o que te vou dizer depois de tudo o que me disseste, mas eu sou gay!' E pronto estava feito.
Ele deu - me o abraço por ele prometido e começámos a falar... Hoje apercebo - me de que não conhecemos verdadeiramente ninguém porque ele tinha dúvidas naquilo que era (se bi, se gay, se hetero). 
Foi um alívio finalmente ter - lhe contado!


Sexta - feira:


Temos trocado muitas mensagens, falado sobre coisas que nunca pensei discutir com ele... E ele diz que eu o tenho ajudado muito!
Na madrugada de Sexta para Sábado ficamos umas horas a trocar sms's a falar de muitas cenas e até a discutir os rapazes da turma xDD.


Sábado (hoje):


Perguntei - lhe se já tinha visto algum filme de temática LGBT e ele disse que não, nem sabia que isso existia. (Claro, os dvd's nunca cá chegam, não há publicidade para esse tipo de filmes...) 
Aconselhei - lhe o meu preferido: o Shelter, e como ele não o pode ver em casa porque não tem privacidade, vamos vê - los os dois num dia à tarde na escola, no meu portátil.
______________________________________________________


E pensar que tudo começou por uma simples conversa sobre o meu vício saudável (o Adam Lambert)... Ai, como são as coisas xD

18.1.10

Confio, conto ou não conto?

Não sei se vou fazer bem, nem sei se vou fazer mal. Só sei que confio nele para lhe dizer que sou gay,apesar de ter medo do que a minha stora diz ('por vezes há confusões dos adolescentes...'), em suma apesar de ter medo de 'mudar'... Mas quem me impede de me apaixonar por um homem ou por uma mulher? Afinal são só rótulos e nós somos pessoas que gostamos de pessoas.
Sinto que posso confiar nele e que ele não irá desiludir! A conversa foi esclarecedora e ele não tem nada contra e acha estúpido as pessoas importarem - se com isso (tudo a propósito da polémica com o Adam Lambert (o video aqui!)).
Tenho a certeza que posso confiar, mas no entanto tenho medo... Mas, que se lixe, vou arriscar! Não sei quando, acho que vou esperar uns dias (ou não...).
E se quiserem podem responder à pergunta do título xD

17.1.10



Com a escrita posso fazer tudo (viajar para terras desconhecidas, criar novos mundos, novas criaturas, transformar sentimentos...), excepto apagar o vazio que está dentro de mim.
Posso negá-lo, mas isso não faz com que ele deixe de existir!

14.1.10

Clip da Semana

O Clip da Semana é a participação da Noruega no Festival da Eurovisão de 2009. A música é muito fixe e estou viciado (a parte dos violinos é demais :D). Foi a vencedora do concurso.

Ah!, e o Alexander também não é nada mau xD

11.1.10

Na manhã seguinte...

... estava tudo branco. Tudo coberto por uma camada fofa de neve. Lindo!
A escola fechou mas já que estava em Castelo Branco e sem maneira de voltar para casa antes das 11, fui passear pela cidade, com uns amigos meus, durante cerca de duas horas. Foi espectacular, o manto branco criava as paisagens mais espectaculares e dava asas às mais parvas brincadeiras xD.
A manhã acabou na casa de um colega do grupo a jogar Buzz e onde fiquei em segundo :D...
Cheguei a casa às 11 e fui dormir até à 1 da tarde, almoçar e pc...





(A primeira vez que me lembro de que o Castelo ficou Branco e se fez jus ao nome da cidade xD)

10.1.10

"Nem homo, nem hetero"

“Celebridades já assumiram. Sexólogos, psicólogos e até cientistas dizem que esse é o futuro da humanidade. Será mesmo que o mundo está cada vez mais bissexual?

Conforme o pai da psicanálise, todos nós nascemos potencialmente bissexuais. Sigmund Freud dizia que a escolha seria determinada na infância, de acordo com as experiências. Ou seja, a condição sexual seria muito mais cultural do que biológica, e a bissexualidade teria conotações instintivas. Para ele, a diminuição da repressão sexual teria como desfecho a pluralidade dos afetos.

O italiano Umberto Veronesi, por exemplo, afirma que o ser humano caminha para a bissexualidade como uma evolução natural das espécies.”

(Na integra, AQUI)

Continua a Nevar :D



Isto é tão giroo :D
(Acho que nunca aconteceu nevar com tanta intensidade aqui, para 'Cotillas Town' perto de Castelo Branco xD)



Neva Na Minha Rua





É giro, mas tá um frio do caraças xD

Divagações

Isto foi escrito quando estava sem internet...
_____________

É giro ver que o meu computador sem internet não me serve para quase nada de interessante ou que me distraia durante muito tempo.
Como não tenho internet é tão desinteressante ver os programas (futilidade?) que dão no horário nobre das estações portuguesas. Não dá nada de jeito, nada que contríbua para a minha felicidade. Convém referir que não é qualquer coisa que me agrade!
Cultura! Eu quero programas de cultura, quero filmes a horas decentes e não depois do horário nobre e, essencialmente, quero menos novelas!
3 novelas na TVI. Isto é admissível?? Oh god e o mais irritante é que a minha mãe já sabe o que vai acontecer porque lê na Maria. Então eu pergnto:
'Porque vês as novelas se já sabes  o que vai acontecer?'
'É para ver a reacção das pessoas!'
OK, isto é deveras interessante, mas quem sou eu para critícar os gostos dos outros? Todos diferentes, todos iguais, remember?

Enfim, divagações sem interesse que faço, em frente à lareira, na minha prenda de Natal, enquanto dou uma espritadela à novela. Por acaso sabiam que a verdadeira filha do Otávio não é a Filipa? (Ficar sem net faz me mesmo mal! xD)

7.1.10

É tão estranho...

... ver notícias sobre o casamento e a adopção homossexual, perto dos meus pais...
Anyway, amanhã é O Grande Dia. xD

De volta...

...depois de umas férias forçadas, em que a preguiça não me deixava escrever. Recebi um selo e fica para outro dia o cumprimento das regras, não tenho tempo.
Um novo Clip Da Semana: Keisha - Tik Tok, foi o video que mais vi esta semana e é muito fixe mesmo :).

Crianças

Todos os dias me deparo com crianças (não quero apelidá-los de jovens...) com diferentes temperamentos, características, com diferentes formas de encarar a vida. Essas crianças cresceram (não precocemente), mas talvez não tiveram oportunidade de ser pequenas. Ou então é o desejo de serem adultos e terem a sua própria liberdade, ignorando que a sua liberdade acaba quando a do outro começa.
Opto pela segunda ideia, visto que vi muitas crianças inocentes transformarem - se em crianças cruéis. As crianças (de hoje?) são cruéis! [Não que eu não seja melhor ou pior, maior ou menor..., mas faz bem analisar - mos a situação em que vivemos, analisar aquelas [as crianças] que serão os adultos de amanhã.
Querem crescer a todo o custo, querem parecer adultos porque isso lhes dá o poder de menosprezarem os outros e de os inferiorizar. Hoje em que podem crescer devagar, com tudo o que a vida lhes tem para oferecer sem terem que passar necessidades (alguns...).]
O mais cruel é quando dizem verdades num tom de escárnio para inferiorizar os outros e para se regozijar diante dos amigos. É que hoje a estrutura hierárquica entre os alunos está bem definida e o que mais menospreza é o rei.
(O tema global para Área Projecto do ano passado foi o Bullying... De que serviram os trabalho feitos?)
O pior é que os pais nem sabem o que têm em casa e se soubessem, adiantaria?

Porque simplesmente não podemos ser todos iguais, todos diferentes?
Porque tem de existir sempre aquele que gosta de menosprezar os outros?, num acto que serve para mostrar ao resto dos amigos que é fixe.

Por isto e muito mais não quero apelidar a minha classe etária de Jovens.

[E tudo porque eu sou o 'Corcunda de NotreDame' e alguém se lembrou de me avivar a memória...]

1.1.10

Passagem de Ano

6
5
4
3
2
1


Feliz 2010


Não houve contagem decrescente, não houve euforia, não houve desejos... Não houve festa.
Well, a minha passagem de ano foi em casa com os meus pais e uns amigos da família. Fiquei o tempo todo no quarto na net, depois fui comer as passas e voltei para o quarto outra vez!
Tinha medo! Medo deste novo ano, medo de não saber o que fazer, bah... Foi uma seca e por isso espero que o ano me corra bem xD.
Não pedi desejos (acho que não tive tempo...) apenas quero que a minha vida não se altere bruscamente e que não tenha de passar por dificuldades...

Bom começo de 2010

Um Começo...

Como nunca me apresentei formalmente, aqui vai: sou um adolescente, tenho 14 anos, adoro o Oscar Wilde, adoro ler, adoro ouvir música... Enfim, tudo o que um adolescente normal gosta de fazer. Esperem, o que é ser normal... 
Esqueçam já aprendi: ser normal é ser - mos nós próprios :)
Ah, o menos importante mas também tem de se referir (ou não...) sou gay... E é pena ver hoje em dia o atraso que se vive em relação à homossexualidade! Estamos no século XXI e no século VII (por aí...) eram mais adiantados...

Espero que passem por cá e se gostarem comentem, que terei todo o prazer em ler :)
__________________________

(Aqui para ganhar experiência, porque é preciso saber cair e aprender com isso!)

'A experiência é o nome que damos aos nossos erros.' - Oscar Wilde

Feliz Ano Novo


Feliz Ano Novo :D