31.12.10

Há tanto para dizer sobre este ano que está a acabar... Mas bem, não é hoje que vou fazer isso.
Boas saídas e boas entradas, tenham um óptimo Ano Novo!

Até já.

30.12.10

Não é cute?


Ele é o protagonista da série em que recentemente me viciei (por causa dele, óbvio)... "Apanha-me se puderes "  onde aqui o Matt Bomer interpreta um charmoso crânio do crima chamado Neal Caffrey. 


Aiiiii, coisa mai linda!!! +.+

29.12.10



Não sei se conhecem, mas eu adoro a música!!

P.S: Agradeço os comentários feitos e queria pedir para continuarem a assinalar se o post é bom ou mau (Esquisito ou tenho o gosto apurado?), se não quiserem comentar... É só para sentir algum feedback e sentir que "sou lido".
E pronto, boa noite que já é tarde.

27.12.10

Há uns dias atrás, decidi ver umas fotografias que tinha guardado no computador. Foi como abrir um velho e empoeirado álbum de fotografias, mas senti um certo distanciamento… a era digital estragou essa parte, mas isso é outra história.
Falava eu sobre umas fotografias… Esses pedaços de papel (costumavam ser…) onde existem momentos condensados, palavras suspensas no ar, sentimentos congelados… Tudo à espera do olhar atento de alguém, para que se possam libertar os momentos, as palavras, os sentimentos e a nostalgia nos invada o corpo.
Mas nem sempre a nostalgia é boa… Vemos as fotografias, olhamos para aqueles rostos felizes e ingénuos – se ao menos eles soubessem o que o futuro lhes tinha reservado… -, vemos o passado e olhamos para o presente. O que mudou?
Tudo!
Tudo mudou desde essa fotografia, desde esse momento condensado. A da esquerda mudou muito ao ponto de mal tratar aquele a quem nesse momento se abraçava… O rapaz ali ao meu lado foi da mesma forma influenciado e mudou; outrora grandes amigos, não passam de pessoas que mal se vêem e que mal se falam…
E assim é o mudo: em constante mudança.
Quem não aceita essa mudança ou tem dificuldades em a ultrapassar não conseguirá sobreviver…
No entanto, aqui estou eu…
A divagar sobre o passado, sempre!

A.W.

Natal

Oh bem, o Natal passou-se... Foi muito melhor que o anterior; muita comida e muitas prendas que envolviam comida (é, eu sou guloso e adoro comer porcarias!). De modos que recebi muito chocolate e que provavelmente deve desaparecer antes das aulas começarem...
As outras prendas não interessam... Um perfume (cheira mesmo bem!!) e dinheiro, como vêm nada de interessante.
E pronto, a próxima festa é a passagem de ano e isso deixa -me deprimido. Não quero ficar em casa!
Alguém quer passar comigo?? ;D

P.S: Era para ir ter com o Edu e outro amigo nosso mas, aparentemente, a nossa idade ainda é para passar estas festas com a família... -.-'

24.12.10

Oh bem, é Natal...
É uma época especial e gira, mas ainda não apanhei o significado e está muito complicado consegui-lo! Já nem sei se o importante é as prendas que se oferecem ou a reunião familiar que inevitavelmente acontece.
Enfim, who cares about that nowadays?

Feliz Natal para os meus seguidores lindos +.+ 



19.12.10






O tráfico humano é a 3ª actividade ilícita mais lucrativa, a seguir ao tráfico de droga e de armas...

17.12.10

I saw you

Hoje, vi-te. Não te sorri em jeito de reconhecimento, porque pensei que já não te lembrasses de mim…
Mas eu lembro-me de ti! E, curiosamente, lembro-me de como costumavas dizer este ou aquele trabalho estava “mal enjorcado”. Lembrei-me da maneira como dizias isso e achei curioso a minha memória ligar a pormenores (des)interessantes; eu, que tenho uma memória péssima.
Mas às vezes preferia não ter memória. Acho algo tão injusto, o facto de nos lembrarmos quase só dos momentos bons em tempos menos bons. É óbvio que isso me faz querer reviver esses pedacinhos de felicidade… contigo.
Não sei a razão, simplesmente quero! Quero esses momentos de volta, contigo. Talvez seja porque nessa altura eu era inocente e hoje estou-me a tornar adulto a uma velocidade louca, onde todas as decisões importam imenso para o meu futuro. Ou talvez seja porque nessa altura eu era feliz, muito feliz.
Não! Lá está de novo a minha memória a lembrar-se apenas dos momentos bons. Tive muitos momentos maus nessa altura, nesse sítio…, mas fui feliz e é onde tenho mais saudades de voltar.
Dizem que sou bastante desenvolvido para a minha idade. Eu levo isso como um elogio, mas começo a pensar que é um defeito! Se sou mais desenvolvido do que era esperado para a minha idade, então não vou aproveitar estes meus últimos momentos, que são os melhores da minha vida, e vou estar sempre a pensar em coisas que me fazem esquecer que o amanhã, de quando eu for adulto, vai ser pior do que o hoje.
No entanto, o amanhã não me interessa, o hoje é aborrecido mas o ontem é mágico… Especial!

A.W.

14.12.10

-Edu a tentar explicar o que é activo e passivo a um colega (é que nem perguntem porquê :O): Activo é quem dá e passivo é quem recebe...
-Eu: Então eu sou passivo, porque recebo presentes... 

12.12.10

Estou triste.
Triste porque deixei que a noite de Sexta-feira ficasse envolta na irrealidade do sonho.
Triste porque sinto que não tenho feito nada da minha vida que me faça sentir como me senti naquela noite.
Triste porque sinto que vivo uma vida de mentira e as raras vezes que posso ser eu - com todos os meus defeitos e qualidades, todos os meus gostos e manias… EU! –, passam depressa demais.
Triste porque magoo as pessoas e não consigo sofrer o suficiente.
Triste porque sinto que não tenho daqueles sentimentos que o coração também sente.
Triste porque sou um parvo.

The Monster Ball Tou, Lisbon 2010 - Part 2

10, 9, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2, 1
O espectáculo começou!
Quando entrei no Pavilhão Atlântico, reparei em muita gente diferente – eram velhos e novos, gordos e magros, negros e brancos, heterossexuais e homossexuais… A diversidade que a Lady GaGa apoia!
O ambiente estava ao rubro. Ela entrou e encantou; e nós, os seus “litle monsters”, cantámos com ela e aplaudimos o seu excelente trabalho.
A dada altura pareceu-me aquilo ser uma procissão, dada a quantidade de câmaras fotográficas no ar a fazerem lembrar velas… E bem que poderia ser uma procissão, ou não fosse o slogan da noite: “my religion is you”.
Por entre as suas maravilhosas performances, a Queen ia deixando mensagens… Mensagens que já todos tínhamos ouvido proferir na televisão ou na internet.
Mas agora era diferente, ela estava na mesma sala que nós a dizê-lo para nós! Palavras para nos orgulharmos de sermos como somos, palavras para nos encorajar… Afinal, “we born this way”.
E foi com essas palavras que percebi porque é que ela conseguia mover multidões daquela maneira, ela importava-se com cada um de nós ali presentes e sabia que muitos de nós éramos aqueles a quem nos chamavam de “freaks”.
Isso deixou-me orgulhoso de ser o que sou!

The Monster Ball Tou, Lisbon 2010 - Part 1

Acordei às 7 da manhã. Não sabia porque havia de fazê-lo, estava cansado e com sono. Arrastei-me a custo para a casa de banho e fui tomar um banho.
Depois de me ter vestido e de ter despertado convenientemente, o meu corpo começou a tremer…, mas não era de frio!
A escola começou, as aulas iam passando a muito custo, e eu sem prestar muita atenção; a minha cabeça pensava na maravilhosa noite que iria ter.
As aulas acabaram e o autocarro nunca mais chegava (parecia que tudo estava tão lento!), até que por fim chegou e me levou a casa. Almocei, vesti-me e esperei pela minha boleia para a estação de comboios.
Despedi-me da minha mãe (oh, como eu odeio despedidas) e instalei-me no comboio.
Duas horas e uns minutos mais tarde anunciaram que a próxima paragem era na estação do Oriente, mas antes disso (e vá-se lá saber porquê!!) parou em Moscavide e eu, enganei-me, e saí. Fiquei assustado, mas depois consegui desenrascar-me e levaram-me até perto do Pavilhão Atlântico (isso fez-me odiar o trânsito de Lisboa!).
Entrei, procurei o meu lugar e sentei-me e logo fui descoberto por uns primos e uma tia do coração, com quem me deveria ter encontrado antes do concerto (maldito engano).
O lugar era enorme e estava cheio de gente, simplesmente fenomenal!
A primeira parte do concerto começou… Tive dificuldade em perceber se era O vocalista ou A vocalista devido aos sapatos (que, por acaso, eram bem giros); mas eu queria, era a Queen!
E ela chegou, pondo fim a uma espera ansiosa de meses.

9.12.10



Tomorrow, I'll meet the Queen.

Apaixonei-me...


...por estes olhos! Normalmente gosto de olhos azuis, mas estes simplesmente... Matam-me! +.+

P.S: Encontrado no blog REVISTAGAY 

8.12.10

Parvalheira


Pequena localidade cuja população é considerada avessa ao desenvolvimento

7.12.10

Sondagem

Concluo que os leitores do blog acham que o blog não está uma seca mas também não está de todo maravilhoso... Vou tentar mudar isso ;)
Para já, uma música para animar a noite tempestuosa:

Britney Spears - 3



1,2,3...

Desafio II

7 coisas que pretendo fazer antes de morrer:

1- Passar as férias da minha vida no Egipto
2- Viajar pelos E.U.A   
3- Viver em Lisboa
4- Ser eu a tempo inteiro
5- Pegar no carro e não ter destino
6- Queda-livre
7- Aprender a surfar

7 coisas que mais digo:

1- Ó fofo...
2- Gee
3- OMG!
4- ...e coise...
5- Não sei...
6- Ehh, moce!
7- Yah, tipo...


7 coisas que faço bem:

1- Estar sentado sem fazer nada (xD)
2- Dar conselhos (segundo parece...)
3- Nadar
4- Bom ouvinte
5- Evitar os problemas (infelizmente)
6- Apoiar os amigos
7- Escrever (ehh, dizem que sim...)


7 defeitos:

1- Falta de auto-confiança
2- Teimoso
3- Arrogante
4- Egocêntrico, por vezes
5- Temperamental 
6- Preguiçoso 
7- Tenho sempre razão 


7 qualidades:

1- Meigo
2- Inteligente (só ás vezes)
3- Bom 
4- Simpático
5- Bem comportado
6- Criativo
7- Sensível 


7 coisas que amo:

1- Chocolate
2- Lasanha
3- Ler
4- Não fazer nada
5- Ver um bom filme ou série no meu sofá
6- Estar com os amigos e família
7- Ouvir música


7 pessoas para fazerem o desafio:


1- Eric
2- JS
3- Eu
4- Luccas
5- A Criatura
6- Someone
7- Cisco

Achei este desafio o mais interessante de todos os que já fiz! Simplesmente, é demasiado complicado olhar para nós e perceber quais são os nossos defeitos e qualidades, o que mais amamos ou o que queremos fazer antes de morrer... 

3.12.10

Passei as 4 horas da minha tarde deitado no sofá a ver televisão...
Eu contribuo para o progresso do país!

1.12.10

Para quê?

Será que vale a pena levantar-me da cama todos os dias de manhãzinha para ter mais um dia cansativo de aulas? Quero dizer, para quê?
Tenho andado num estado de letargia nestes últimos dias, tenho andado perdido. Não sei para que é que me continuo a esforçar, não sei porque é que faço isso… Não sei o rumo que hei-de dar à minha vida, que não faz sentido nenhum. Perdeu o rumo, o objectivo com que se guiava.
Mas que objectivo era esse? Talvez se eu soubesse, seria mais fácil reencontrá-lo e assim daria um sentido à minha vida e, quem sabe, me tirasse deste estado de letargia. Mas não, eu não sei qual era o objectivo que regia a minha vida, deixei-o escapar, perdi-o…
E com isso perdi também o rumo certo a tomar para atingir esse objectivo. Agora, não sei de que me serve escalar a montanha se não tenho nada lá em cima à minha espera, que valha o esforço.
Talvez se ficar aqui…
Talvez se voltar para trás…
Talvez se procurar bem o vou encontrar!

30.11.10

Desafio . Respostas

Vamos lá ver se acertaram...
As 3 coisas falsas sobre mim eram:

2- Um parente que eu gostava muito morreu há alguns anos. 
5- Tenho medo de alturas e, consequentemente, de voar. [Quero fazer queda livreeeeee!!!]
10- Odeio comprar roupa e demorar tempo a pensar no que hei-de vestir no dia seguinte. [Quem me levas às compras?? +.+]


E pronto, acreditem que tudo o resto é verdade! 


E queria que dessem mais sugestões para o blog ficar mais... interessante... Vá láááááá!

28.11.10

Desafio

Fui desafiado pelo Edu e tenho de dizer 10 coisas sobre mim, das quais 3 são mentira... Ora tentem lá descobrir...

1- Tenho um medo exagerado de abelhas e bichos em geral.
2- Um parente que eu gostava muito morreu há alguns anos.
3- Sou muito guloso e adoro chocolate e pipocas.
4- Costumo andar pela rua a ouvir música e a cantar em surdina, tipo videoclip.
5- Tenho medo de alturas e, consequentemente, de voar.
6- Costumo tratar quase todas as pessoas por fofo/a, fofinho/a.
7- Faço colecção de bilhetes de cinema.
8- Adoro fazer origami.
9- Gosto de ser organizado, embora às vezes tenha preguiça.
10- Odeio comprar roupa e demorar tempo a pensar no que hei-de vestir no dia seguinte.

Então, quais são mentira? ;)

P.S: E esqueci-me de dizer a quem passo :O
Passo, ao Eu, Eric, e... chega, não? :p

27.11.10

Nova Sondagem

Tenho achado que, ultimamente, o blog tem andado um pouco morto, sem interesse... O que vocês acham? O que deveria fazer e/ou mudar?
Votem na sondagem, na barra lateral  direita -->
E deixem as vossas sugestões em baixo, nos comentários.
Obrigado ^^

25.11.10

Onde está o Tempo?

Ainda há umas horas fui ver aquele filme com o meu amor, mas afinal já passou uma semana.
Ainda ontem estava de férias, a gozar o Sol e a plenitude do Verão, mas parece que já passaram uns meses.
Ainda anteontem estava a desejar por um ano fantástico, por encontrar o amor…, a desejar ter tudo de bom em 2010 – o Ano Novo. Mas parece que já passou quase um ano…
Onde está o Tempo? Que fiz eu com ele?
A minha Vida está a acabar a um ritmo alucinante e eu nem dou conta! 

Está frio e preciso que me aqueças...

24.11.10

Estava em Lisboa, numa casa que me parecia familiar. Sim, estava na casa da minha tia onde costumo passar os meus Verões e parecia mesmo que era isso que eu lá estava a fazer. E não estava sozinho, o meu namorado estava lá, a Gabi estava lá.
Nas notícias falava-se de uma tempestade forte, do fim do mundo… (Havia um propósito para isso, mas eu não me lembro qual…) E foi isso que aconteceu, relâmpagos e ventos fortes começavam a fustigar as ruas e a destruir tudo à sua passagem.
De repente já estava no shopping da minha cidade, mas continuava com o meu namorado, com a Gabi e com a minha tia. Tudo desabava à nossa volta, o pânico tinha-se instalado e atrás dele veio o caos. Conseguimos proteger-nos de uma parte do tecto em queda livre, mas sei que alguém foi atingido… Tinha sido a Gabi!
A minha tia insistiu-nos em levar para a minha escola e, de repente, lá estávamos. Lá fora o mundo continuava a desabar sobre as nossas cabeças.
Chegados à escola, todos andavam num rodopio, mas as aulas continuavam! Andámos pelos corredores e consegui ver professores muito feridos, em macas a dar aulas… Fiquei surpreendido!
A meio do caminho a minha tia desapareceu bem como o meu namorado e eu andava pelos corredores a vaguear sozinho, sem saber por onde ir, mas algo me guiava. Fui parar à sala onde ia ter aula e só então tinha reparado que a escola não estava a sofrer com o rebuliço do mundo fora daquelas paredes.
Esperei pela professora de Inglês, esperei e esperei… Vejo passar alguém numa maca, em muito mau estado, não liguei, mas aquele cabelo fazia – me lembrar alguém… Claro! A professora de inglês.
A professora de Inglês…
Eu… tenho… de… ajudar… a…

E então, fui acordado.

P.S: Devo ter sonhado com a professora de Inglês porque tenho teste amanhã.
Devo ter sonhado com a escola aberta, porque nunca fecha em greves e coisas do género.
Devo ter sonhado com o namorado, a Gabi e a tia, porque tenho muitas saudades de todos eles.
E devo ter sonhado com o fm do mundo porque... Ora, 2012 está à porta!

22.11.10

- Oie fofinho! Estavamos na aula a falar de cyberfriends e eu lembrei-me de ti! :D adoro-te. Tenho saudades tuas!

E o meu dia ficou mais colorido com esta pequena sms +.+ 

21.11.10

A Terra num ano

A Terra formou-se há cerca de 4600 milhões de anos. Para compreender melhor este enorme período de tempo pode-se imaginar que toda a história da Terra sucedeu num só ano. 
Vamos supor que a Terra se formou no dia 1 de Janeiro. No dia 15 desse mês já existia a crosta terrestre e no dia 24 de Abril apareceram os primeiros seres vivos, que eram células muito simples.
Os primeiros animais apareceram a 13 de Novembro
[Só?!]. No dia 26 desse mês surgiram os primeiros peixes. Os dinossáurios ocuparam o planeta de 15 a 25 de Dezembro [10 dias!]. Enquanto isto sucedia, a 18 de Dezembro apareciam as aves e a 23 de Dezembro, as primeiras plantas com flor. No dia 26 Dezembro apareceram os mamíferos e, quatro dias mais tarde, ou seja, no dia 30 de Dezembro apareceram os primeiros primatas hominídeos [primatas, ainda nem eram nada parecidos aos homo sapiens e os outros antes desses…]. Às dez da noite de 31 de Dezembro apareceram os homens primitivos [quando raio aparecem os homo sapiens sapiens?!]. Quando faltava um minuto para a meia-noite, surgiram os homens actuais [finalmente!]. Um centésimo de segundo antes de acabar o ano o Homem chegou à Lua [20 de Julho de 1969]. À meia-noite do dia 31 de Dezembro, corresponde o tempo actual. 

16.11.10

A minha escola primária

Avistei, de relance, a minha professora da primária. Aquela pessoa que foi um pilar importante no meu começo pelo mundo do conhecimento. E com ela vi, também de relance, lampejos dos meus momentos passados naquela escola pequena, de aldeia.
Revi, naqueles breves momentos, aqueles e aquelas colegas com quem costumava passar os intervalos (que, ás vezes, duravam duas horas!), revi os colegas da minha sala e revi o meu melhor amigo da altura.
Também revi as brincadeiras que tínhamos… Eram tão diferentes, desde concursos de canto (onde eu só apresentava…) a representações de cenas dos “Morangos com Açúcar”, a apanhadas onde toda a escola participava e até construir uma espécie de abrigo com a lenha que era destinada à caldeira.
Fazíamos de tudo. Éramos animados. Éramos crianças. Éramos inocentes.
E eu sinto falta disso.

15.11.10

Ontem mudei o visual, fiz umas madeixas no cabelo... É triste reparar como existe tanta gente que gosta de gozar com o que quer que seja diferente.


Epah, get a life!!

14.11.10

Depois de dois dias a deitar tarde e acordar ainda mais tarde... A passar a tarde em frente à televisão, ou simplesmente ficar a olhar para um ponto na parede da sala... A não fazer uma única coisa útil para a sociedade...
Quem é que quer passar os próximos 5 dias a deitar cedo e levantar ainda mais cedo... A não ter tempo, nem para ver as notícias ou para admirar o belo do ponto na parede da sala... A fazer tudo por tudo para que a sociedade ainda funcione?
Eu não.

11.11.10

O meu cérebro não teve tempo de processar o cheiro da sua pele... Foi invadido por uma sensação estranha, esquisita.
Não soube como reagir a essa sensação estranha e paralizou, e deixou-me ali assim, sem reacção.

6.11.10

O Lugar Onde Pertencemos

-Desculpa – disse ele.
Foi a última palavra que ouvi da boca dele.
Não sei pelo que me pedia desculpa… Se pelo facto de me ter infligido tanta dor e agora desferir-me o golpe final; se pelo facto de me ter abandonado, agora, que eu o queria mais que nunca.
Sei que partiu feliz e isso é o que me mantém vivo! Mas parte-me o coração (se é que eu ainda tenho cacos suficientes para serem ainda mais estilhaçados) saber que ele nunca mais irá regressar… Para junto de mim, o lugar onde pertence.
Ele partiu. Partiu a voar… Que graciosidade que ostentava, mesmo estando a dirigir-se para onde se dirigia!
Sempre o achei diferente e ele de facto era diferente! Não era comum, não era igual aos outros. Tinha uma maneira extraordinária de ver o mundo que, por vezes, eu achava ser fria e desprovida de sentimentos. Oh, mas eles estavam lá!
Dentro dele havia uma tempestade contida de sentimentos. Sentimentos que ele não queria deitar para fora, porque pensava ser incompreendido.
Fechou-se dentro de si mesmo e isso levou-o lá, para longe…
Mas agora, eu cheguei ao meu limite de sofrimento e dor. Não consigo estar mais sem ele… Também eu vou partir, mas irei a nadar… Ouvi dizer que é mais lento e doloroso… Preciso de um castigo para me conseguir perdoar pelo modo como tudo acabou!
Mais um pouco de dor e em breve estarei perto de ti, no lugar onde pertencemos.

Palavras Que Dão Saudades

Certas palavras fazem-me lembrar certas pessoas. A maneira como a pronunciavam, como a saliva se acumulava nos cantos da boca, como a boca se movia e tentava pronunciá-la mas a língua não ajudava…
Tudo isso me faz lembrar momentos com essas pessoas (algumas que até já saíram da minha vida para, quem sabe, talvez, nunca mais entrar): o que fizemos, onde estávamos, porque o fizemos…
E depois, inundam-se-me os olhos e choro. Choro porque tenho saudades desses momentos, com essas pessoas e dessas pessoas…
Mas, aqui entro em conflito com tudo aquilo que sou hoje e que não era nesse passado. Porque hoje, todas essas pessoas me moldaram e mudaram e fizeram de mim o que sou hoje, mas se não as tivesse conhecido se tivesse ficado sempre no mesmo passado, nunca teria mudado ou conhecido todas essas pessoas de quem me orgulho ter saudades.
O problema é que eu simplesmente tenho saudades do passado!
Seja o passado em que eu tinha 5 anos, seja o passado em que eu tinha 13, eu tenho saudades. Saudades das pessoas e do ambiente que o compõem.
Mas aí é que reside a beleza e a dificuldade da Vida: todos os momentos são únicos e irrepetíveis, se não os soubermos aproveitar ficaremos para sempre a lamentar um momento a menos de felicidade pura e simples, que poucas vezes se repetem.

5.11.10

EscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevasEscuridãoCrueldadeTenebrosidadeMalvadezIgnorânciaDesumanidadeMaldadeCegueiraImpiedadeSombraInfernoNegrumeTrevas

3.11.10

Precisa-se...

...massagista:
  • homem;
  • com boas mãos (e o resto também...);
  • que esteja sempre disponivel.

Alguém se candidata? ^^ 

P.S: Estou exausto!

31.10.10

Memórias...

Eu acredito no Amor, acredito que um dia irás aparecer. Tu, meu Príncipe Encantado!Acredito que me virás salvar das garras da sociedade que me oprime e de todos aqueles que me querem mal.
Tu, meu Príncipe Encantado!
Acredito em ti, porque isso me faz sentir bem.
Tu, meu Príncipe Encantado, que me vais aconchegar enquanto estou a dormir. Que vais fazer festas no meu cabelo...
Tu, meu Príncipe Encantado, que me vais roubar o primeiro beijo, que me vais roubar o primeiro abraço dado com Amor!
Tu, meu Príncipe Encantado, que me vais fazer desejar estar sempre a teu lado, que me vais fazer desejar sempre por mais!
Tu, meu Príncipe Encantado!
Tu, que me vais dar o primeiro momento de prazer a dois...
Tu, meu Príncipe Encantado que me vais fazer feliz para sempre, que me vais consolar quando estou triste, que me acaricias o corpo arrepiando - me ternamente! Tu, meu Amor que não me vais desiludir e que vais estar sempre ao pé de mim.
Tu, que me vais dar momentos de prazer escaldante e momentos de caricias leves, frescas!
Oh, meu Príncipe Encantado que és apenas uma quimera! Vem.
Vem buscar - me e leva - me desta terra, vem. Vem buscar - me e cumpre as promessas com que me atraís - te para este estado de demência, de loucura!
Vem buscar - me para que possamos ter aqueles momentos de caricias que me prometes - te na noite em que o luar era a Luz mais forte na Terra! Vem.
Vem buscar - me, Tu, meu Príncipe Encantado.

28.10.10

Estou tão desiludido comigo! Cheguei à conclusão que sou tão burro...
Falhei tantas perguntas naquele teste por falta de atenção e burrice. Eu, que poderia ter tirado uma nota excelente...
Tenho de me aplicar mais!

24.10.10

Apesar de ter estado a manhã toda a trabalhar... Depois de um banho, estou com bastante energia!

I'm crazy but you like it.



Shakira - Loca ft. Dizzee Rascal

P.S: Só não tenho é energia para estudar...

22.10.10

Conduzir...

Os testes começaram esta semana. Quinta foi o de Inglês,para o qual não estudei e até correu mal..., e hoje o de Português, que até correu.
À parte disso, a semana foi normalissíma, excepto o facto de ter medo de andar de carro com a minha mãe a conduzir... E já não é de agora! Eu explico, a minha mãe teve um acidente de carro à uns enquanto os meus pais íamos para o jantar de Natal da escola primária. Tive medo nos meses a seguir, mas depois passou... Ela era uma excelente condutora. No ano passado fez o transplante de coração e deixou de ver tão bem quanto antes... Nem com óculos lá vai (e ela usa-os desde que me lembro!). Isso foi o resultado de vários dias em coma com o externo aberto.
Só que agora ela tem de conduzir..., e não vê bem. Tenho de ir atento à estrada e às passadeiras, porque tenho medo que ela tenha um acidente ou atropele alguém. Tenho medo, mas não um medo irracional..., um medo que me faz estar atento e mais nada!
Mas às vezes gostava de poder conduzir para ela não ter de andar com o carro... E se quando ela anda sozinha (o que ás vezes tem de ser) lhe acontecesse algo?
É receio... Receio de perder algo importante.



 Bohemian Rhapsody (Queen) - Glee Cast

P.S: Adoro esta música!

20.10.10

divagacoesdumgay.blogspot.com

Agradeço por terem votado na sondagem... A maioria votou que eu devia manter este link, mas vendo bem as coisas este link não tem nada a ver comigo.
Amanhã, por volta desta hora vou passar para o antigo: divagacoesdumgay.blogspot.com .
Não se esqueçam! ^^

18.10.10

In the arms of the angel
Fly away from here

(Sarah Mclachlan)

Senti-me nos braços de um anjo... E fugi com ele... 

17.10.10

Onde tudo acaba

Hoje fui a um cemitério, com os meus pais, por flores nas campas dos meus avós. É um cemitério de uma terra pequena, onde toda a gente se conhece e não foi díficil encontrar campas de alguns parentes ou conhecidos dos meus pais.
E tudo acaba aqui... - Diz a minha mãe, meio a sussurrar.
Não acho que tudo acabe depois da morte... Alguém haverá sempre de nos recordar com saudade e, sempre que alguém se lembra de nós, é como se nos ressuscitasse. E, então, nós não acabamos, estaremos sempre vivos no pensamento de alguém.

15.10.10

É com muito pesar que anuncio que... o André morreu... :'(
O meu André não!! :'(

14.10.10

Gestão do tempo

Nunca mais é Sábado, é cada vez mais um pensamento recorrente sempre que acordo e sempre que chega o final do dia. Sinto-me cansado, o tempo foge-me entre os dedos e eu cheio de trabalho acumulado e sem organização para o fazer.
Confesso que a culpa é minha. Eu é que me devo de organizar, a fim de ter uma melhor gestão para conseguir fazer tudo o que quero no meu dia... Mas isso para mim, parece impossível. E se virmos bem, perco tempo considerável nas viagens escola-casa, tempo esse que podia ser aproveitado.
Mas aproveitado a fazer o quê? Desde o início do ano lectivo tenho reservado as minhas tardes livres para ver os episódios das minhas séries favoritas, que tenho gravado na MEObox... Mas isso tem que acabar, sobretudo agora que a altura dos testes está a chegar! O problema é que eu simplesmente não sou capaz.
Chego a casa, almoço e vou para o sofá (quando não almoço lá...) e ponho-me a ver televisão ignorando, por completo, as minhas obrigações para com o meu "emprego". Tenho presente que tenho de estudar, a única coisa que falta é a vontade de realizar a acção.
Até tenho medo de ver que, na primeira fase de testes, não tenha sido capaz de manter o meu nível de notas... Isso seria péssimo e nem quero pensar mais nisso!
Amanhã à tarde é para estudar e Sábado também... No Domingo, descanso e vou a uma festa de anos.

P.S: Finalmente, um texto coerente e de jeito! E não se esqueçam de votar na Sondagem ;)

13.10.10

Na aula de educação física:

Fui com o pé à bola (pois estava a defender) desequilibrei-me e caí de joelho... Mas defendi!
Como se não bastasse, depois disso, passei a bola para um colega da equipa adversária e ele chutou para a baliza outra vez e......

....eu defendi!! *super contente!*


Quedas, ora pois -.-'

Parece incrível... Eu que nem gosto de futebol (ou futsal, nunca percebi bem a diferença...), caí a jogar -.-'
Estava à baliza e depois de 3 frangos (sim, eu admito, odeio essa coisa de andar a correr atrás de uma bola e então prefiro a baliza, mas nem num lado nem no outro sou bom), defendi e fui de joelho ao chão. Dói... Como se não bastasse, quando me chamaram para jantar, estava sentado à secretária e bati com o outro joelho nela... E ao sair da mesa caí de rabo no chão por causa do joelho me doer... -.-'
Enfim, de manhã fui levar a vacina contra a gripe... E hoje à tarde o meu pai e eu fomos falar com o técnico que ficou com o André e parece que ele vai regressar a casa amanhã (YAY! já não era sem tempo), espero bem que seja MESMO amanhã!
Ontem... Aiiii, ontem fui à natação e quase no final da aula estava um rapazinho na zona fora das piscinas a fazer exercícios de aquecimento, que era tão giro! Meu Deus, deu-me logo mais energia para continuar a nadar xD

E nunca mais é Sábado.

12.10.10

Sondagem

Toca a votar, gente. Tá aqui ao lado ----------------»
^^
Ele- A stôra de espanhol mandou-me fazer um texto na aula sobre o nosso melhor amigo... E eu, bolas, sei lá sobre quem é que hei-de escrever. Ainda tive para escrever que não tinha melhores amigos, mas assim ela não podia avaliar muito e então decidi escrever sobre ti...
Eu- A sério?! Fico feliz em sabe-lo... Sabes, na escola primária, a professora mandou-nos fazer uma coisa semelhante e eu escrevi sobre o T. e ele escreveu sobre mim...

Só que agora o T. não passa de (mais) um conhecido e ex-colega e Ele é... algo que não sei muito bem o que é... Sei que não posso confiar tanto nele como confio na minha mana, mas ele é um amigo, sem dúvida! E sinto que devo preservá-lo...

10.10.10

Queres namorar comigo?

Ouvira falar dele durante muito tempo... Um dia conheci-o e apaixonei-me. Penso que o sentimento foi recíproco, devido ao que aconteceu hoje... 
É lindo de morrer... Perfeito, perfeito, perfeito! 
Não sei como pude ser tão cego e nunca ter reparado nele... Esteve sempre ali à minha espera e eu nunca lhe dei uma oportunidade. Mas hoje tudo mudou!
Fui almoçar fora e depois fui dar uma volta... Estava no shopping a passear e decidi ir à Worten. Encontrei-o lá...
Só ele para estar lá a ver os computadores... 
Disse-lhe olá. Ele respondeu-me com um sorriso. Parecia estar a ganhar coragem para algo... Mostrava-se nervoso.
Perguntei-lhe o que andava por ali a fazer... E que era bom vê-lo. 
Ele voltou a responder-me com um sorriso... Tinha a respiração alterada. 
Como não obtive nenhuma resposta, mas apenas sorrisos (como eram lindos!) decidi ir-me embora... Ele agarrou-me e disse:
- Queres namorar comigo?
Fiquei estupefacto! Saí de lá a correr e deixei-o plantado à espera da minha resposta. Talvez não o devesse ter feito, mas não consegui reagir. Tinha ansiado por aquele momento havia muito tempo, mas ali tudo me pareceu muito irreal.
Ele terá a sua resposta: Sim!

MacBook, um dia seremos apenas nós! Amo-te.

9.10.10

Vai uma trinca?

Hoje, depois do almoço (com a ajuda da minha mãe, como é óbvio) dediquei-me a fazer estas belezas +.+


Não são as que fizemos, mas são muito parecidas... E estão maravilhosas!!! Cheira-me que não vão durar até segunda feira, bem como a minha linha que não vai durar muito... 

8.10.10

Amiga: Gostas de comer laranjas?
Eu: E bananas!

Às vezes isto sai-me assim... Ela é que não percebeu xD

Fim-de-semana!

O despertador tocou... Não me apetecia, de todo, levantar-me. Na rua estava a chover e estava frio, na minha cama estava quentinho. Na rua estava desagradável e o vento era muito forte, na minha cama estava-se muito bom e não havia vento. Portanto custou a levantar e arrastar-me para a banheira, mas teve que ser...
O tempo estava uma porcaria, tinha parado de chover, para estar aquele aspecto de ameaça de chuva. A aula de Português passou (nem sei como!) e a de Ed. Física também. Essa foi a melhor!
Não tive, para grande azar dos meus colegas... Acho que era o único que estava contente por não ter aula. Em vez disso fomos ver um filme sobre o Mundial de 2006. Foi interessante, mas odiei a parte inicial em que se diz que o futebol é o jogo mais brilhante. Ora, poupem-me!
Por fim, a aula de Matemática também se passou, e eu iniciei o meu fim de semana. YAY!
Passei a tarde a ver series que tinha gravado, até que adormeci no sofá...



Running Out - Scissor Sisters

P.S: Eu estou a ficar assustado! Isto de escrever todos os dias é, um pouco, anti-eu... E nem sei que título dar -.-'

7.10.10

Natação

Incrível como, mesmo ao fim de 8 horas de aulas, uma súbita energia me dá força para fazer uma aula de natação sem ficar muito cansado no final... E sem ficar cheio de sono mal chego a casa.
Pois, hoje tive a primeira (a oitava primeira...) aula de natação. A turma é composta por gente mais nova que eu, mas conheço lá algumas pessoas do ano passado. Provavelmente irei mudar de turma... Ainda não sei, mas aquela turma não está bem ao meu nível..., e não quero com isto ser pretensioso, mas é verdade. Enfim, foi bom voltar!




Alanis Morissette - Ironic

P.S: Ouvi esta música de manhã na rádio... É espectacular!

6.10.10

Sugestão...

Pois... Acabei de descobrir que A Criatura tem um blog!
http://oblogdacriatura.blogspot.com/
É fantástico, mas está apenas no início... Vale a pena seguir.
Estes dias têm sido um pouco stressantes... Muitos trabalhos de casa (que eu vou deixando acumular) e muitas outras coisas para fazer. Como é óbvio não consigo fazer tudo o que quero num dia... Sou, simplesmente, demasiado desorganizado. O tempo foge-me, nem dou por ele passar... É um horror!
Mas enfim... Amanhã começa a natação. Menos tempo tenho... E eu que queria rever umas coisas e estudar um pouco, mas não tenho tempo. Que porcaria.
Hoje, andei praticamente sem comer a manhã toda... Não, não estou com a mania das dietas. Fui fazer análises, mas, vá-se lá saber porquê, aquilo estava demorado e só estava uma senhora (ou mulherzinha, como eu, carinhosamente lhes gosto de chamar...) a fazer as colheitas. Entrei no centro às nove e meia e saí de lá perto das 11... Sempre sem comer. Só queria era comer... Para compensar, comi um hamburger duplo ao almoço!

3.10.10

Amigos.

O que é um amigo, um verdadeiro amigo?
O dicionário diz que é um companheiro, um amante... Um significado leviano para uma palavra que transporta um tão grande valor sentimental.  
Um amigo é sim um companheiro..., mas de quê? 
De parvoíces, de brincadeiras, de momentos bons, de momentos maus... Um companheiro de viagem pela Vida. Um companheiro que nos ajuda a atravessar os caminhos mais árduos da viagem da Vida e está lá para nos abraçar nos momentos em que a nossa viagem está a ser afortunada. Mesmo que a sua viagem esteja a ser trabalhosa, um amigo está sempre lá para nos apoiar. 
Mas também pode ser um amante... Um ser que ama a Vida simplesmente porque nós fazemos parte da sua. Alguém que nos ama e a quem fazemos felizes com simples gestos. 
É assim um amigo... E é uma honra chamar e ser chamado de amigo!



Muitos Parabéns! :3

Possa a tua vida ser longa e recheada de bons momentos, desafios divertidos e alegria! 
Esperamos que ultrapasses todos os obstáculos e que alcances todas as tuas metas!
Quando te sentires em baixo nunca te esqueças que estamos aqui para te apoiar!


Um abraço e um beijo;

Pinkie Bat
Eduardo

2.10.10

TPM ou TPM sem P

Mãe - Não gosto dessas brincadeiras... Sobretudo hoje!
Eu - Estás com TPM?
Mãe - É, estou...
Eu - Vocês [mulheres] estão quase sempre com isso... Ou então, estão com TPM sem a parte do P... Pergunto-me quando vocês estão normais...
Mãe - ... (risos)

1.10.10

15.

É. Tenho exactamente 15 anos e 1 dia. O que faz do dia de ontem um dia especial para toda a minha vida (interessante, porque eu nasci numa quinta feira e não gosto muito de quintas feiras).
Parabéns para mim :)

.


29.9.10

Hoje sinto-me assim...

Sorry.

Ele estava sozinho... Era agora ou nunca! Enchi-me de coragem e encaminhei-me para o lugar onde ele estava, olhou-me e seguiu em frente. Não sei porque o fez, mas não interessa, tem esse direito!
- Só te quero pedir desculpa.
- Porquê?
- Porque sim...
Estive sempre a pensar no que lhe havia de dizer... Sabia porque estava a pedir desculpa, mas não como o traduzir por palavras.
Desculpa por te ter feito tudo isto!
Pensei que fosse aproveitar a oportunidade que eu lhe tinha roubado... Mas não.
Só sei que não queria vê-lo amanhã...

26.9.10

Clip Da Semana

Blame, no one is to blame
as natural as the rain that falls
here comes the Flood again

The Flood - Katie Melua
Tantos mal entendidos, tantas questões por responder... Será que vale a pena resolvê-los ou tentar responder a essas questões?

24.9.10

You found me



Adoro! Quero o álbum...

O amor é que é essencial

O AMOR é que é essencial.
O sexo é só um acidente.
Pode ser igual
Ou diferente.
O homem não é um animal:
É uma carne inteligente,
Embora às vezes doente.

Fernando Pessoa

22.9.10

Coisas e assim...

Rendi-me à novidade... Tenho um Tumblr... É este aqui - Há dias... .

Há dias que podiam ser suprimidos, para os realmente importantes chegarem mais rápido.
Há dias em que os mal entendidos são tantos...
Há dias em que temos de acordar e enfrentar as coisas como elas são.

19.9.10

Clip Da Semana

Como eu estou a ver que o André (o ecran do meu pc) vai demorar muito tempo a ser ressuscitado, vou continuar a por os Clips da Semana aqui no blog... O desta semana é uma música que, acho que, todos conhecem, ou pelo menos já devem ter ouvido alguma vez; Suddenly I See - KT Tunstall.

Suddenly I see (suddenly I see)
This is what I wanna be
Suddenly I see (suddenly I see)
Why the hell it means so much to me (suddenly I see)
This is what I wanna be
Suddenly I see (suddenly I see)
Why the hell it means so much to me

Suddenly I See - KT Tunstall

18.9.10

Estava, ainda agora, a olhar para uma t-shirt especial. Uma t-shirt onde as pessoas com quem dividi a maior parte dos meus dias escreveram algo para nunca se esconderem num recanto sombrio da minha memória... Tenho saudades deles...

17.9.10

Gente com objectivos... coise.

Rapazinho que chumbou umas quantas vezes- Eu não quero saber da escola... Quando tiver 17 anos saio da escola e fico em casa. Dormir até ao meio dia, jogar playstation o resto do dia, isso é que é bom!
Eu- E vais fazer isso o resto da vida?
Rapazinho que chumbou umas quantas vezes- Claro!


Ele é que tem objectivos definidos e fáceis de cumprir!  Enquanto eu ando aqui a esforçar-me para ter boas notas para, no futuro, conseguir um bom emprego... O que é coisa difícil hoje em dia. 
Enfim, é com esta gente que me deparo quase todos os dias... -.-'

13.9.10

ADOROO +.+

...esta imagem =D

Primeiro dia de aulas...

6.30. O despertador tocou e rapidamente o desliguei, bem como rapidamente saí da cama.
Ainda estava escuro, quando cheguei cheguei à marquise. Lembrei-me do ano anterior, dos dias em que ali chegava ainda de noite e de quando voltava para o quarto o Sol já estava a nascer.
Tomei banho, vesti-me e voltei para a cozinha para tomar o pequeno-almoço. Era o meu pai que o costumava fazer... Lavo os dentes, arranjo o cabelo e estou pronto para sair de casa.
O Sol já tinha nascido, mas ainda estava frio. Lembrei-me dos dias em que estava muito frio e eu me agasalhava mal; apercebi-me de como, subitamente, a paisagem tinha mudado... Ou talvez tivesse sido eu quem tivesse mudado.
Durante, aproximadamente, 3 meses, deixei de passar por aquela rua inclinada ladeada de casas e hortinhas.
Apanhei o autocarro, estava sozinho na paragem, e foi acolhedor subir as escadas e ir para o lugar do costume. Confesso que estava um pouco nervoso, não tinha dormido nada de jeito desde as 2.32 da manhã. Iria ser um dia relativamente importante - o primeiro dia no Secundário.
Depressa o autocarro tinha chegado à paragem onde, por 5 anos, eu costumava sempre descer. Foi estranho não sair ali, não atravessar as duas passadeiras, não passar o cartão à entrada e não ir esperar à porta da biblioteca até que ela abrisse. Nunca tinha passado daquela paragem, por isso era como um novo mundo que se abria diante de mim - onde vai parar o autocarro para deixar os alunos da outra escola, onde é suposto sairmos -, descobri onde tinha de sair e fui para a escola. Era estranho andar por ali.
Tocou para a primeira aula e a professora era bastante simpática. Quando dei por mim, a aula de Biologia tinha acabado (eu já tinha sido pintado com batom) e tinha 15 minutos antes dos corredores se encherem de gente, sendo quase impossível explorar. Vagueei pelos corredores daquela estranha casa. Andei à procura das salas onde ia ter aulas, mas algumas delas não consegui memorizar. Mais uma vez, foi estranho estar naqueles corredores e não nos da minha escola...
Voltei a casa, cansado e com sono, ainda não acreditando que as férias tinham mesmo acabado, ainda não acreditando que algo de novo estava a acontecer.

12.9.10

Regresso às aulas

Custa acreditar que já passaram quase 3 meses... GOD! O Verão está no fim e a escola está a começar... É já amanhã!
Não sinto vontade nenhuma em voltar. Longe vão os tempos em que as férias de Verão eram quase uma tortura, porque eu preferia ir à escola do que ficar fechado em casa. Hoje é precisamente o contrário, habituei-me à ociosidade dos dias de férias e desabituar-me é um processo longo e complicado que chega a não ter fim, devido aos ciclos repetitivos da minha Vida.
A cada inicio de cada ano lectivo mentalizo-me que tenho de estudar, de me aplicar, de tirar boas notas... E não é que não cumpra isso (porque cumpro), mas os meios utilizados não me dão o sentimento de realização que eu queria. É como cada passagem de ano... Prometo a mim mesmo portar-me bem e todas essas realizações de ano novo, mas chegado a meio do ano percebo que não fiz como tinha prometido a mim mesmo. É um pouco frustrante. E agora, no inicio deste ano lectivo continuo a mentalizar-me para ser mais aplicado, para trabalhar mais e essas coisas assim... Mas eu sei que não o vou cumprir.
As boas notas vão aparecer, claro, mas a parte do estudo em casa não me satisfaz.
Enfim... Amanhã é o primeiro dia de Secundário. Uma nova escola, uma nova turma...


A felicidade destes últimos dias não mostrava que iriam ser os últimos.






Sugestão do André:
Pursiut of Happiness - Kid Cudi




6.9.10

Morte a São Pedro!

Terça feira à tarde, por volta das duas horas, vieram instalar o MEO (finalmente!!!!!), tarefa que terminou por volta das 5 e tal da tarde.
As horas passaram e depois de jantar os meus pais foram dar a sua voltinha a pé e eu fiquei a gozar a net do MEO... Estava no msn quando a minha maninha mana (que já é grande) me disse que na cidade estava a chover imenso. Não tardou a chegar aqui (eu estava com um calor que não me importava de ir para a rua em boxers molhar-me, mas a minha mãe e o meu namorado disseram que não - por razões diferentes, como é óbvio...), eu continuei a conversar com a minha mana e o meu namorado, no msn, quando, de repente, cai um relâmpago sobre esta terrinha (mas uma coisa mesmo forte que me fez saltar da cadeira!). A luz faltou e até as da rua se apagaram, ficando tudo completamente ás escuras.
Não me atrevi a ligar mais nada porque poderia vir outro relâmpago e podia causar alguma coisa. Liguei logo para o meu namorado (eu sou tão medricas!) para me fazer companhia, enquanto andava de lanterna na mão a passear pela casa e a imaginar coisas menos próprias por causa da lanterna :O
Entretanto, voltou tudo ao normal - a chuva passou, o céu ficou mais limpo e a luz da rua tinha voltado -, então decidi ligar o computador para voltar a estabelecer contacto com o mundo.
Sempre a falar ao telemóvel com o meu namorado constato, horrorizado, de que o meu ecran tinha morrido. Tentei com o desfibrilhador, tentei injectar-lhe adrenalina mas não havia nada a fazer... Ele tinha morrido!
Desde então que não tenho acedido à net - a minha PSP é uma bosta para fazer o que quer que seja na net e o portátil é lento (demais!) -, em vez disso, o Oscar tem me feito companhia =).
Hoje, decidi deslentar o portátil (que ainda me dá dores de cabeça e fico exasperado com a sua lentidão) e aqui estou eu... Mas eu quero culpados!!
E o culpado disto tudo é, nem mais nem menos, do que o senhor S. Pedro! É que matou -me o ecran e nem me deixou aproveitar como deve de ser a net do MEO. Em contrapartida, aproveitei a componente da TV e até estou satisfeito.
Espero que me consigam arranjar o ecran o quanto antes ou terei um ataque de nervos se utilizar o meu portátil durante muito tempo... Eu passo-me com a lentidão disto, é mais lento que a minha avó e olhem que ela já não anda nada rápido!
Enfim, boa noite e até à próxima... se sobreviver...


P.S: Por causa desta treta toda, não há Clip Da Semana enquanto não tiver o meu querido André ressuscitado. (nome carinhoso para um ecran, não é?)

29.8.10

Clip Da Semana

Where did I go wrong, I lost a friend
Somewhere along in the bitterness
I would have stayed up with you all night
Had I known how to save a life

How To Save A Life - The Fray 

25.8.10

Ele - Não gosto de gays... Porque são gays...
Eu - Não gosto de ti... Porque és tu!

23.8.10

Clip Da Semana (Duplo!)

Hey there Delilah

Don't you worry about the distance

I'm right there if you get lonely

Give this song another listen

Close your eyes
Listen to my voice it's my disguise
I'm by your side





Hey There Delilah - 
Plain White Ts

______________________________


When I was a young boy,
My father took me into the city
To see a marching band.
He said, "Son when you grow up,
would you be the savior of the broken,
the beaten and the damned?"


Welcome To The Black Parade - My Chemical Romance




P.S: Um pouco atrasado, por isso é em dose dupla.

20.8.10

Oh-Eme-Gee

Há muito tempo que não via um filme de acção tão espectacular como este.
Um filme cheio de adrenalina e com um final fantástico (que sugere um segundo filme...).
Adorei "Wanted".

“So, What the fuck have you done lately?”

16.8.10

Gula


s.f.


1. excesso no comer e no beber
2. um dos pecados capitais, segundo a doutrina católica
3. desejo exagerado

15.8.10

Hoje...





...matei a fome de pipocas! =D

O Rapaz Do Pijama Às Riscas

"Este é o fim da história de Bruno e da sua família. Claro que tudo isto aconteceu há muito tempo e nada parecido poderá voltar a acontecer.
Não nos dias de hoje, não na época em que vivemos."


in "O Rapaz Do Pijama Às Riscas"

Caros leitores...

... peço desculpa pela escassez de posts, mas eu ando um pouco ocupado com algumas mudanças cá em casa.
Pois, eu andei a remodelar o meu quarto e entre limpar e pintar não sobra muito tempo, porque o cansaço é algum.
O quarto já está prontinho, só falta ultimar pormenores como os cortinados, a colcha da cama, algumas almofadas e um candeeiro novo =D (a minha mãe acha-me esquisito porque quero combinar cores e etc...)
Mas bem o quarto está lindo e a mudança estava planeada desde o Verão passado, tudo pensado na minha cabeça. Tivemos de fazer uns ajustes ao plano original, mas está fantástico!
Agora até cá passo mais tempo do que o que já cá passava (tempo que já não era pouco...).

Falta limpar o resto da casa --'

14.8.10

Clip Da Semana

All the things I know right now
If I only knew back then
There's no gettin' over
No gettin over'
There's just no getting over you.

Gettin' Over You - David Guetta & Chris Willis ft. Fergie & LMFAO

12.8.10

It's time to move on.

É altura de mudar, de seguir em frente. E por isso é preciso arrumar… Arrumar o passado, dentro de caixas gigantes de papelão, para serem guardadas num canto do sótão e encherem-se de pó, bem como as memórias que essas caixas contêm; que ficam a apanhar pó num qualquer recanto da nossa mente.
Olha este jogo… Lembraste de como passávamos horas a jogá-lo? E este kit de magia? Lembraste onde o compraste? Oh, e como foi giro fazeres aqueles truques para os colegas da escola primária, lembraste? E assim, as memórias, contidas nessas pequenas coisas, sacodem o seu pó e saem das caixas escondidas num recanto qualquer da mente e mostram-se… Mostram a sua beleza, a beleza dos momentos felizes e menos felizes que o tempo fez questão de levar, como levou muitos dos intervenientes nessas memórias.
E uma onda de nostalgia percorre o corpo…
E lembraste daquele conjunto de carimbos? Fartaste-te de gastar folhas… E aquele globo que pensavas que era uma prenda para outra pessoa? Olha este livro de gramática… Eras muito bom aluno na primária! A onda de nostalgia vai-se intensificando… Vaga a vaga ela vai-se fortalecendo e causando danos, como um tsunami. Faz-me querer voltar a ter esses momentos de volta e revivê-los… Mas sei que não os posso ter só mais uma vez. Tenho que seguir em frente!
Lembraste…?
Lembraste…?
Lembraste…?

7.8.10

Clip Da Semana

But I'm a creep
I'm a weirdo
What the hell am I doing here?
I don't belong here

Creep - Radiohead

6.8.10

Querido João

6 de Agosto de 2010

Querido João,

Necessito escrever-te para saber que alguém me ouve e me compreende. Não gosto de diários e então recorro a ti.
Não sei fazer um diário, nem tenho paciência para tal; é preciso seguir umas regras estranhas que para mim não fazem sentido… Tem de se detalhar tudo muito bem, mas eu não sei dar detalhes. E então não me peçam para dar detalhes sobre momentos especiais, porque eu não sou capaz; foi tudo tão importante que, ao descrevê-lo, me arriscaria a esquecer de alguma coisa.
Mas o assunto que me fez recorrer a ti foi outro… Queria – te falar da minha manhã... Acordei cedo, preparei-me e fui até àquela que vai ser a minha nova escola, a fim de tratar da minha matrícula. Enfim, burocracias…
A verdade é que estou com medo. Vai ser uma realidade nova, com caras novas e uma escola nova. Tenho medo, mas não sei muito bem de quê, percebes? E depois vêm as saudades…
Eu passei 5 anos da minha vida a ir sempre para a minha antiga escola, a ver as mesmas caras e a fazer amigos. Agora, de um momento para o outro vou-me deparar com novas personagens e muitos dos meus amigos ficarão para trás; e sem muito contacto constante, acabarei por fechá-los numa gaveta num recanto do meu cérebro e, acabarão cheios de pó e esquecidos. Perdidos na memória e no tempo.
Agora eu serei saudosista, ao ter saudades de tudo isto?
Diz-me João. Serei?
Eu penso que sim… Mas é mais forte que eu. Não consigo deixar de pensar em tudo o que deixei para trás, todos os momentos, todas as caras. Mas sei que se me habituar, as saudades serão esbatidas e encolherão.
É. Talvez tenhas razão… O melhor é não pensar nestas coisas e deixar tudo andar ao seu ritmo. Não apressemos nem atrasemos as coisas.

Um beijo,
Meu.

5.8.10

Momentos

Às vezes gostava de poder congelar momentos... Poder pará-los e retomar quando quisesse. Gostava que tudo fosse eterno, mas é a efemeridade que caracteriza e dá sentido à Vida. Assim sendo, só me resta aproveitar esses momentos, que gostaria de ter congelado.
E momentos são feitos de pessoas e de lugares; um pouco como os sonhos, que são feitos de imaginação e de fantasia.

Como descrever algo que não pode ser descrito?

3/08/10 <3

4.8.10

GaGa Rulles!

Lista de nomeados aos MTV VMAs 2010:

MELHOR COLABORAÇÃO
B.o.B featuring Hayley Williams - Airplanes
Beyoncé featuring Lady Gaga - Video Phone
Lady Gaga featuring Beyoncé - Telephone
3OH!3 featuring Kesha - My First Kiss
Jay-Z & Alicia Keys - Empire State of Mind

MELHOR VÍDEO FEMININO
Lady Gaga - Bad Romance
Ke$ha - Tik Tok
Katy Perry featuring Snoop Dogg - California Gurls
Beyoncé featuring Lady Gaga - Video Phone
Taylor Swift - Fifteen

MELHOR VÍDEO MASCULINO
Eminem - Not Afraid
Usher featuring Will.I.Am - OMG
B.o.B featuring Hayley Williams - Airplanes
Drake - Find Your Love
Jason Derulo - In My Head

MELHOR VÍDEO DE HIP HOP
B.o.B. featuring Hayley Williams - Airplanes
Eminem - Not Afraid
Drake, Kanye West, Lil Wayne & Eminem - Forever
Jay-Z & Swizz Beats - On To The Next One
Kid Cudi featuring MGMT & Ratatat - Pursuit Of Happiness

MELHOR ARTISTA REVELAÇÃO
Ke$ha - Tik Tok
Jason Derulo - In My Head
Justin Bieber featuring Ludacris - Baby
Nicki Minaj featuring Sean Garrett - Massive Attack
Broken Bells - The Ghost Inside

MELHOR VIDEO POP
Lady Gaga - Bad Romance
Katy Perry featuring Snoop Dog - California Gurls
Ke$ha - Tik Tok
Beyoncé featuring Lady Gaga - Video Phone
B.o.B featuring Bruno Mars - Nothing on You

MELHOR VIDEO ROCK
30 Seconds To Mars - Kings and Queens
Muse - Uprising
Paramore - Ignorance
Florence & the Machine - Dog Days Are Over
MGMT - Flash Delirium

MELHOR VIDEO DE DANÇA
Lady Gaga - Bad Romance
Enrique Iglesias featuring Pitbull - I Like It
Cascada - Evacuate The Dancefloor
David Guetta featuring Akon - Sexy Chick
Usher - Will.I.Am

VIDEO DO ANO
Lady Gaga - Bad Romance
Florence & The Machine - Dog Days Are Over
30 Seconds To Mars - Kings and Queens
Lady Gaga featuring Beyoncé - Telephone
Eminem - Not Afraid
B.o.B featuring Hayley Williams - Airplanes

MELHOR DIRECÇÃO ARTISTICA 
Lady Gaga - Bad Romance
Florence & The Machine - Dogs Days Are Over
Eminem - Not Afraid
30 Seconds To Mars - Kings and Queens
Beyoncé featuring Lady Gaga - Video Phone 
MELHOR COREOGRAFIA
Lady Gaga - Bad Romance
Lady Gaga featuring Beyoncé - Telephone

Beyoncé featuring Lady Gaga - Video Phone (Extended Remix) 
Usher featuring Will.I.Am - OMG
Janelle Monáe featuring Big Boi - Tightrope

MELHOR CINEMATOGRAFIA
Eminem - Not Afraid
Jay-Z & Alicia Keys - Empire State of Mind
Lady Gaga - Bad Romance
Mumford and Sons - Little Lion Man
Florence & The Machine - Dog Days Are Over

MELHOR REALIZAÇÃO
Jay-Z & Alicia Keys - Empire State of Mind
Lady Gaga - Bad Romance
Eminem - Not Afraid
P!nk - Funhouse
30 Seconds To Mars - Kings and Queens

MELHOR EDIÇÃO
Lady Gaga - Bad Romance
Eminem - Not Afraid
Rihanna - Rude Boy
P!nk - Funhouse
Miike Snow - Animal

MELHORES EFEITOS ESPECIAIS
Lady Gaga - Bad Romance
Eminem - Not Afraid
Muse - Uprising
Green Day - 21st Century Breakdown
Dan Black - Symphonies

VIDEO INOVADOR
Dan Black - Symphonies
Gorillaz featuring Bobby Womack & Mos Def - Stylo
Coldplay - Strawberry Swing
The Black Keys - Tighten Up

13! São 13! GO GaGa =D

(de: MTV)

Não é normal...

O Sr Cardeal Saraiva Martins, num arroubo de solidariedade para com o seu superior hierárquico o Sr Cardeal patricarca D. Policarpo, renovou o conselho às jovens casadouras. Recomendou-lhes cautela com os casamentos com muçulmanos, e, aproveitou o facto de estar a falar de casamentos para se manifestar contra o casamento homossexual, contra a adopção por homossexuais. e, revelando a sua faceta de cientista ingénuo, afirmou que a homossexualidade não é normal.

(...)

Não é normal no mesmo sentido em que não são normais tantas outras coisas na nossa sociedade e nas nossas existências. Não me querendo perder na escrita, volto à ideia que me fez iniciar a escrita, e numa espécie de acto de contrição, admito: Não sou normal! Não sou normal porque sou lésbica, não sou normal porque detesto futebol, não sou normal porque não acredito em deus, não sou normal porque nas minhas mãos, as falangetas dos indicadores apresentam algum desalinhamento em relação às respectivas falanginhas, não sou normal porque detesto bebidas alcoólicas, não sou normal porque detesto competir, não sou normal porque não consigo dormir se as portas e gavetas dos armários não estiverem todas (bem) fechadas, não sou normal por mais uma infinidade de motivos que seria fastidioso enumerar. Sou portanto, uma vítima da anormalidade múltipla. E o pior, e provavelmente mais uma das minhas idiossincráticas anormalidades, é que gosto. Gosto mesmo de ser anormal.

 Interessante análise, DAQUI.

3.8.10

É, eu sou apifóbico!

André disse...

epa eu tenho aracnofobia e tu tens abelhófobia... xD tens de ultrapassar esse medo. temos de enfrentar os nossos medos


Pois pois... Enfrenta lá as tuas aranhas que eu peço a alguém para matar as abelhas que me ameaçarem xD

E olha... Eu gosto do nome abelhófobia... Mas chama-se apifobia ou melissofobia.
Já aprendeste alguma coisa hoje ;D

P.S: Não acham que estes nomes são fantásticos? Apifobia... Melissofobia... Adoro =D

E a saga continua...

Estava eu muito bem a ver um filme quando este vai para intervalo... Decido levantar-me da cama e acender a luz para arrumar umas coisas para o dia seguinte (é, eu gosto muito mais de trabalhar de noite...) e eis que vejo, encostada à parede e quase a tocar no tecto, uma abelha.
UMA ABELHA!! O pior dos meus pesadelos (eu já devo ter dito aí algures que ODEIO abelhas...).
Tento continuar normal, mas pah, não dá. Ainda por cima a dita cuja da abelha começa a saltitar no tecto e a chegar-se para o sítio onde estava...
Saio disparado da sala onde dormia, antes que ela se decidisse meter comigo, e fui para o hall de entrada. A gente que estava em casa estava toda a dormir... E agora que faço, pensava eu.
E por entre saltinhos e gemidos (não, não eram de prazer... O.o) o tempo passa. É que nem me tentei armar em bicha valente para matar o raio da bicha, porque eu não me meto com um monstro daqueles!!
(ABAIXO AS ABELHAS!!!!!)
Ouvi a porta do prédio bater (estava num primeiro andar... Ouve-se lindamente... Até lindamente demais...) e soube logo que era o meu padrinho... O meu salvador (digamos que a situação foi irónica, porque eu não gosto lá muito dele...)! Espreitei pelo olho da porta e abri antes de ele sequer chegar perto da porta. Convidei-o a entrar (na sua própria casa) e a ir matar uma bicha abelha que me tinha invadido o quarto e que já tinha emigrado para outra parte da divisão...
Matou-a! (Mas ia sendo picado por ela... Antes ele do que eu xDD)
Finalmente a salvo =D


P.S: Ao tentar adormecer ainda tive pesadelos com abelhas e picadas de abelhas :p
P.S: Até tenho medo de pesquisar imagens de abelhas... Parece que vão saltar do ecrã e picar-me todo =/

2.8.10

I'm Back (Again)

Voltei. Não vou mentir... Já tinha saudades disto, afinal é a minha casa :p
Desta vez é mesmo para ficar...  A não ser um fim-de-semana fora com os meus pais, mas de resto vou passar o resto das férias aqui em casa. Mas vou saindo... Amanhã vou à piscina com o meu namorado (vou revê-lo :D) e vou conhecer a Pinkie Bat e não só ^^
Finalmente! É já amanhã =D

25.7.10

Um ano...

Um ano... Depois de uns dias para perceber o que eu no fundo já sabia deste à muito, eu decido contar à minha "maninha" que era gay. Eu tinha de o fazer, precisava de alguém com quem falar... Alguém que tivesse a paciência de me ouvir, sempre que precisasse!
E assim se passou um ano... Fiz novas amizades, algumas que já se perderam (o tempo e a distância não perdoam) e outras ainda continuam de pé... Descobri que tinha um amigo gay (de quem eu tinha assim um bichinho...) e que se tornou meu namorado...
Um ano...


P.S: Este post foi agendado... Não tenho mesmo net x)

21.7.10

Férias (Again)

Mais duas semanas de férias longe da net... Ahh, vai ser tão doloroso =/


Boas Férias =)


20.7.10

Dia do Amigo

Gostava que a minha vida fosse como um filme, saber sempre o que dizer e quando o devia dizer. Este era um momento em que isso me seria útil...
Conheci-te no final de Julho do ano passado... Um ano! Já reparaste como o tempo passou e como nos aproximámos, mesmo a vários quilómetros de distância? Já reparaste como fomos uma grande ajuda para ambos, nos momentos menos fáceis da nossa curta existência?
E agora, um ano passou e nós continuamos a falar, continuamos a fortalecer a nossa amizade sobre alicerces bem fortes.

Acredito na amizade virtual...


...Pinkie Bat.



Aquele Verão

Tenho saudades. Saudades do que já foi, do que já passou. Saudades daquele momento, daquele dia, daquela tarde, daquela noite... Daquele Verão.
Aquele Verão que foi tão diferente! Cheio de aventuras e descobertas de novos horizontes. Novas amizades e aproximações.
Um Verão que contribuiu para o meu crescimento em todos os sentidos!
Um Verão que não se voltará a repetir este ano... Está tudo tão diferente...

Eu estou diferente!